Ataque não funciona e Cardinals perdem de virada para os Lions

Carson Palmer ajustando a jogada Fonte: azcardinals.com
Carson Palmer ajustando a jogada Fonte: azcardinals.com

O jogo de Domingo tinha tudo para ser um ótimo começo de temporada para os Cardinals. Mesmo com muitas incertezas sobre o time, o histórico do confronto era favorável para a gente. E até o primeiro tempo, confirmávamos o favoritismo, mas na volta do intervalo tudo desmoronou.

Linha Ofensiva 

No nosso pré-jogo já havíamos falado da nossa linha ofensiva, de como ela é frágil e pode trazer problemas. Bem, não foi nenhuma surpresa, a proteção de Carson Palmer foi péssima.

Apesar de sofrer apenas 1 sack, o quarterback quase não tinha tempo para lançar, estando sempre pressionado. Durante o jogo, o left tackle titular D.J. Humphries se machucou e foi substituído por John Wetzel, que conseguiu piorar ainda mais o desempenho da linha.

E não há como negar o terrível desempenho do nosso quarterback. Apesar de sofrer com pouca proteção, Palmer fez péssimas leituras acabando o jogo com 27/48 passes, 269 jardas, 3 interceptações e 1 touchdown.

Defesa contra o passe

Uma das grandes expectativas para a temporada era nossa secundária. Patrick Peterson é extremamente seguro, mas o resto dos cornerbacks não. O jogo começou de forma surpreendente, com uma pick six do odiado Justin Bethel.

Nos 3 primeiros quartos, Bethel estava calando a boca dos críticos, mas quando chegou no último período, a secundária toda desmoronou. Até mesmo Patrick Peterson foi mal nas coberturas.

Foram 2 TD’s de passe sofridos, sendo um de 45 jardas, em cima de Bethel e do safety Bethea.

O jogo acabou com 4 TD aéreos de Detroit e Golden Tate passando das 100 jardas.

Haason Reddick – ILB

Uma das poucas coisas positivas no jogo de Domingo foi o novato Haason Reddick. Ainda aprendendo a jogar de ILB (ele jogava de OLB), Reddick fez uma ótima estreia pelos Cardinals, acabando a noite com 8 tackles, sendo 1 tackle para perda de jardas.

Haason Reddick derrubando Ameer Abullah Fonte: azcardinals.com
Haason Reddick derrubando Ameer Abullah Fonte: azcardinals.com

Special Teams

Uma área do time que melhorou muito foi o special teams (pior não dá pra ficar). Com a adição do punter veterano Andy Lee, os retornos de punt não deram nenhum “susto” na torcida de Arizona.

Um dos destaques da partida foi em um erro de snap do punter dos Lions, quando a cobertura dos Cardinals mostrou-se bem atenta.

O destaque negativo fica por conta do kicker Phil Dawson que errou um field goal de 30 jardas, em um momento importante da partida.

 

David Johnson machucado

A derrota pelo placar de 35 x 23 não foi a pior parte de jogo. O pior foi a lesão da nossa estrela. D.J já não estava vindo muito bem no jogo, quando em um lance da partida ficou rolando de dor no chão. Apesar de sair de campo andando, não voltou mais para a partida.

O que sabe-se até agora é de que a lesão foi no punho. Ainda hoje o corredor irá passar por uma Ressonância Magnética que determinará a gravidade da lesão. Se perdermos ele por muitos jogos, os playoffs será um sonho bem distante.

Agora é hora de arrumar o time e se preparar para enfretar os Colts no próximo Domingo, fora de casa.

 

About Gabriel Pereira 40 Articles
Torcedor do Arizona Cardinals desde 2012 e fundador do site Os Cardeais. Traduz textos, legenda alguns vídeos, atualiza a página no facebook, faz um pouco de tudo.